Dados mostram que grandes instituições estão acumulando Bitcoin em meio à correção

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Março 17, 2022 Updated Março 17, 2022

Dados mostram que grandes instituições estão acumulando Bitcoin em meio à correção

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Março 17, 2022 Updated Março 17, 2022

Quase todos os volumes de negociação do Bitcoin consistem em transações acima de US$100.000. Um relatório da empresa de pesquisa de blockchain IntoTheBlock mostra como a negociação institucional de bilhões de dólares passou a dominar a liquidez do token desde 2020.

 

De acordo com um relatório recente, as grandes transações – o que a empresa chama de negócio acima dos US$100.000 – têm consistentemente constituído mais de 90% dos volumes de negociação da Bitcoin desde 2020.

 

Ela atribui isto à crescente procura institucional pelo token, seja de novos operadores para o mercado ou mesmo de jogadores existentes injetando mais dinheiro. 2020 foi um ano crucial para o Bitcoin, onde várias casas de negociação e fundos de hedge importantes reconheceram a viabilidade da token como uma reserva de valor.

 

Organizações como Tesla, Block e Paypal também começaram a investir em Bitcoin em 2020.

Bitcoin's trading volumes are dominated by large transactions

O tamanho médio da transação para o Bitcoin cresceu como resultado. De acordo com a In The Block, a transação de Bitcoin média tem sido superior a US$500.000 desde agosto de 2021, atingindo um pico de US$1,2 milhão quando o token atingiu um valor recorde em novembro.

Leia mais: As baleias movem de mais de US$1 bilhão para o valor do Bitcoin a partir de exchanges; as instituições estão acumulando?

O interesse institucional em Bitcoin continua crescendo

 

Apesar da imensa volatilidade do mercado em 2022, o interesse institucional nesse token tem mostrado poucos sinais de abrandamento. Dados recentes dos Coinshares mercados de cripto mostraram sete semanas consecutivas de entradas de capital institucional este ano.

 

A casa de investimento Bain Capital angariou um fundo cripto de US$560 milhões no início deste mês, enquanto a Pantera Capital recebeu mais de US$1 bilhão em compromissos para um fundo de blockchain.

 

A crença de que as cripto são uma classe de ativos não correlacionada pode estar acabando, mas não parece dissuadir o interesse das instituições tradicionais de finanças e tecnologia. Os principais players cripto estão evoluindo e há sinais de que a procura institucional continua crescendo, mesmo que não se reflita nos preços.

– Lucas Outumuro, Chefe de Pesquisa na Into The Block

 Leia mais: O Reino Unido declara que os ATMs de Bitcoin são ilegais, e ordena encerramento imediato

Isto aumenta a correlação das cripto com os estoques

 

A tendência fez o Bitcoin e o mercado cripto começarem a negociar mais de acordo com as ações convencionais. Por exemplo, o Bitcoin está sendo negociado em cerca de 15% este ano, em grande parte em linha com as perdas nos índices S&P 500 e Nasdaq.

 

A recente volatilidade no mercado cripto também foi atribuída à negociação de pânico por parte das instituições, em reação à perturbação econômica causada pelo conflito entre a Rússia e a Ucrânia.

Leia mais: Bitcoin (BTC) Volta aos US$41.000, eis por que os investidores de varejo NÃO devem comprar ainda

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
2287 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story