A Dificuldade de Mineração do Ethereum Registra uma Nova Alta Com o Preço do ETH Visando uma Alta Histórica de US$2.500


A Dificuldade de Mineração do Ethereum Registra uma Nova Alta Com o Preço do ETH Visando uma Alta Histórica de US$2.500

A dificuldade de mineração da rede do Ethereum fez um pico para uma nova alta histórica de 5.950.622.727.915.080, rompendo a alta histórica anterior de 5.946.888.973.277.870. A dificuldade de mineração crescente vem em um momento que há muita discussão sobre a taxa crescente de gas do Ethereum e sobre os traders mudando para outras plataformas.

As métricas on-chain para o Ethereum parecem bem fortes com a demanda por ETH em torno de US$1.800 tendo sido bastante significativa. O preço do ETH também viu uma reversão de tendência com o preço quase perdendo a formação do padrão de cabeça e ombros por um rompimento altista que veria a segunda maior criptomoeda retestando sua alta histórica anterior de US$2.036. Um analista previu que o ETH poderia muito bem estar em seu caminho para US$2.500.

Além da demanda crescente, o volume crescente do ETH retido na mainnet do ETH 2.0 poderiam também levar a uma crise de oferta e em um momento em que usa oferta institucional apenas começou, o aperto na oferta poderia ajudar o preço a avançar.

Capitalização do Mercado de Altcoins Se Aproxima de Alta Histórica

O crescimento impressionante do Bitcoin nessa temporada altista enobriu a maioria dos outros desenvolvimentos com a principal criptomoeda mais do que triplicou sua alta de 2017 e sua capitalização de mercado alcançou a marca de US$1 trilhão pela primeira vez. Junto com o Bitcoin, o mercado de altcoins também cresceu para novas altas e registrou uma nova alta histórica de US$684 bilhões.

A nova alta histórica do mercado de altcoins o impulsionou para os mesmos níveis de 2017 e se imitar os movimentos de mercado anteriores, a capitalização de mercado poderia crescer exponencialmente. Com o fato de que o Ethereum e muitas outras altcoins já registraram novas altas históricas, o próximo ciclo altista poderia fazer com que essas altcoins cresçam mais com indagações sobre o Bitcoin estar em um superciclo aumentando.

Rekt Capital, um analista cripto apontou que a alta histórica recente da capitalização do mercado de altcoins e como ele está no mesmo nível de 2016, após o qual a capitalização de mercado de altcoins registrou uma nova alta histórica de US$473 bilhões. A alta de 2017 foi rompida primeiro no começo de fevereiro e retestou ela perto do final do mês. O mês de março fez com que a capitalização de mercado de altcoins adicionasse mais US$200 bilhões para sua alta de 2017.

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Guilherme de Faria Martins da Silva
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.
Publique seu comentário...
Guilherme de Faria Martins da Silva 1516 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.
Follow Guilherme de Faria @