O Comitê da Basiléia Propõe Peso de Risco Mais Alto para o Bitcoin

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Junho 10, 2021 Updated Junho 10, 2021

O Comitê da Basiléia Propõe Peso de Risco Mais Alto para o Bitcoin

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Junho 10, 2021 Updated Junho 10, 2021
  • Comitê da Basiléia propõe um tratamento conservador prudencial para criptoativos.
  • O comitê de supervisão bancária atribuiu um fator de risco de até 1.250% para o Bitcoin e outros ativos semelhantes.

O Comitê da Basiléia para Supervisão Bancária que compreende 45 membros de 28 jurisdições propôs hoje dois conjuntos de regulamentos para os criptoativos. As novas propostas dão um tratamento prudencial para criptoativos como o Bitcoin sem qualquer suporte no mundo real citando fatores de alto risco.

A proposta dividiu os criptoativos em duas amplas categorias, a primeira sendo as stablecoins e tokens de títulos com suportes no mundo real que podem cair no Regime da Basiléia com algumas modificações. Por outro lado, os criptoativos como o Bitcoin estão sujeitos a um novo tratamento conservador prudencial. O comitê está aberto a sugestões para a proposta até 10 de setembro.

O Comitê propôs que os bancos atribuam peso de risco de 1.250 porcento para o bitcoin e certas outras criptomoedas. Isso quer dizer que os bancos precisam manter dólares de verdade para cada dólar de bitcoin.

O peso do risco variaria de 0% a 1.250% dependendo do tipo de ativos. O informe de imprensa oficial diz,

“O capital será suficiente para absorver uma baixa complete das exposições aos criptoativos sem expor os depositantes e outros mutuários sêniores do banco a uma perda,”

Como a Abordagem Conservadora do Comitê da Basiléia Impacta o Bitcoin?

O peso de alto risco para o Bitcoin pode parecer conservador, mas do lado positivo, essa proposta reconhece o Bitcoin como uma classe de ativo de acordo com o maior comitê regulatório de bancos do mundo. Também é importante observar que a proposta está no estágio preliminar e pediu sugestões.

A proposta oficial também observou que apesar do uso limitado de criptoativos no setor bancário eles são um ecossistema de crescimento rápido que poderia apresentar um risco para a estabilidade financeira do setor bancário. A proposta do Comitê de Supervisão Bancária também vem acompanhando a lei aprovada por El Salvador para tornar o Bitcoin moeda de curso forçado no país.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
1924 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story