Por Trás da Cena: O T1 da Grayscale com um Pico de $500 Milhões Veio do Interesse dos Investidores ou Arbitragem?


Imagem Cortesia da PXFuel

Por Trás da Cena: O T1 da Grayscale com um Pico de $500 Milhões Veio do Interesse dos Investidores ou Arbitragem?

Com o mercado de criptomoeda lutando para reganhar seu terreno para chegar a níveis definidos nesse ano, Grayscale, uma firma de investimento em criptos focada em investidores institucionais anunciou um pico em seus fluxos de criptoativos em seu relatório do T1 de 2020. O rápido crescimento nos fluxos de criptos para uma alta recorde de $500 milhões em T1 levou a muitos analistas afirmando uma possível reentrada de investidores institucionais no campo, mas o quanto essa afirmação está correta?

“Investimento institucional de verdade não está em cripto”

Jeff Dorman, CFA, acredita que as recentes afirmações de um mercado de investimento institucional em crescimento são “ilusórias”. O investimento institucional está realmente entrando no mercado de cripto ou é um jogo em busca de arbitragem dos fundos de hedge?

Jeff, CIO na Arca, tweetou rapidamente respondendo sobre o relatório do T1 da Grayscale e as afirmações “excessivas” sobre o possível inchaço dos investimentos institucionais em cripto. Ele criticou as afirmações como “enganadoras” com a maioria dos fundos nessas firmas de investimento em cripto sendo derivadas de fundos de hedge, que de acordo com Dorman não são investidores institucionais de verdade.

Ele escreveu,

“Essa terminologia é tão enganadora. Fundos de hedge não são investidores institucionais. Eles são gestores de dinheiro profissionais.”

Em seu último relatório a Grayscale relatou que 88% de seus investidores eram instituições contribuindo com quase $800 milhões em ativos armazenados no Grayscale Trust. O Bitcoin Trust (GBTC) atualmente mantém cerca de 2% de todos os BTC em circulação. De acordo com o relatório, os fundos de hedge lideram no pool de investimentos institucionais na Grayscale com fundos de hedge multi estratégias dominando o pool com 46% dos fluxos totais.

Jeff, no entanto, refuta os fundos de hedge serem chamados de investidores institucionais dada a motivação por trás do investimento em cripto ser mais de ter lucro do que uma visão de longo prazo.

“Investidores institucionais são fundos de pensão, family offices, fundos soberanos, doações.”

Por que os fundos de hedge estão investindo em cripto?

Os fundos de hedge estão tomando posições no campo das cripto no passado recente com o Bitcoin e outras criptomoedas oferecendo um ativo de diversificação em seus portfólios. No entanto, parece que os fundos de hedge não investem em cripto devido ao interesse, mas para terem “lucros rápidos” e oportunidades de arbitragem que subiram mais uma vez.

Os produtos da Grayscale como o GBTC e mercados de spot do BTC oferecem oportunidades de arbitragem, daí o crescente interesse no campo pelos fundos de hedge. Se os fundos de hedge tivessem uma necessidade de investir no campo das cripto no longo prazo, então investir diretamente em preços spot do Bitcoin ou ter os Bitcoins faria mais sentido, argumenta Jeff.

O investimento institucional em futuros do Bitcoin permaneceu na mesma desde a queda em 12 de março de acordo com dados coletados na Bakkt e na Bolsa Mercantil de Chicago (CME). Futuros de Bitcoin liquidados em dinheiro, Futuros da CME atingiram uma alta de $398 milhões no volume diário em 6 de abril; a Bakkt voltou ainda para os $8,6 milhões registrados em 7 de abril.

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Guilherme de Faria Martins da Silva
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.
Publique seu comentário...
Guilherme de Faria Martins da Silva 1569 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.
Follow Guilherme de Faria @