CoinSwitch Kuber invadido por agência de combate a crimes indiana

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Agosto 25, 2022 Updated Agosto 25, 2022

CoinSwitch Kuber invadido por agência de combate a crimes indiana

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Agosto 25, 2022 Updated Agosto 25, 2022

Na esteira do aumento da pressão regulatória sobre as empresas de criptomoedas na Índia, outra exchange de criptomoedas tornou-se objeto de escrutínio. Na quinta-feira, a Diretoria de Execução da Índia começou a procurar nas instalações da principal exchange indiana CoinSwitch Kuber. As pesquisas, de acordo com um CoinDesk report, são em relação à Lei Indiana de Gestão de Câmbio (FEMA). O ataque à CoinSwitch Kuber é o segundo incidente desse tipo este mês no ecossistema cripto indiano.

 

Ataque à CoinSwitch Kuber – Transações do Exterior

 

O relatório acrescentou que os ataques estavam sendo realizados em até cinco locais pertencentes à exchange cripto. Citando um funcionário da célula de Bangalore da Diretoria de Execução, o relatório mencionou que a agência está investigando múltiplas possíveis violações sob a FEMA.

 

“Estamos investigando múltiplas possíveis violações sob a FEMA e outras entidades que estão ligadas a ela. Como não recebemos a cooperação desejada, realizamos buscas nas residências dos diretores, do CEO e das instalações oficiais da exchange.”

 

Autoridades indianas continuam o escrutínio cripto

 

As buscas nas instalações da CoinSwitch Kuber parecem fazer parte da série de investigações da agência sobre várias empresas nacionais. No entanto, resta saber se essas pesquisas resultam em um escrutínio regulatório mais fácil sobre o setor daqui para frente. Falhas recentes de empresas de criptomoedas como a da rede Terra levaram a reformas regulatórias mais rápidas na operação de transações cripto.

 

No início deste mês, outra exchange indiana de criptomoedas WazirX ficou sob o radar da Diretoria de Execução. Os funcionários da agência revistaram em 5 de agosto as instalações do diretor da exchange. O ataque resultou no congelamento dos ativos bancários da empresa no valor de quase US$8,13 milhões.  As autoridades acusaram a WazirX de ajudar empresas de aplicativos de empréstimos instantâneos na lavagem de dinheiro. O dinheiro estava sendo transferido através de criptoativos virtuais, disse à agência na época.

 

Pelo lado positivo, os principais influenciadores do país lançaram recentemente o Fórum Blockchain da Índia. O governo da província de Telangana, na Índia, lançou o fórum com o apoio de cerca de 40 influenciadores-chave. O objetivo do fórum é tornar a Índia um hub global no setor web 3.0.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
2606 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story