Especialistas Alertam Sobre O Maior Problema Com O Ethereum Após O Merge

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Agosto 23, 2022 Updated Agosto 23, 2022

Especialistas Alertam Sobre O Maior Problema Com O Ethereum Após O Merge

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Agosto 23, 2022 Updated Agosto 23, 2022

Justin Bons, o fundador e CIO da Cyber Capital, revela a maior ameaça ao Ethereum após o merge. Ele acredita que os investidores, traders e desenvolvedores estão em uma encruzilhada do Ethereum.

 

Ele revela que diversos fatores externo poderiam afetar o Ethereum, incluindo uma sanção potencial do governo dos EUA. O US Treasury’s Office of Foreign Asset Control recentemente impôs sanções a um mixer de moedas virtuais, Tornado cash. Houve especulação sobre se o OFAC poderia ir contra o Ethereum também.

 

No entanto, de acordo com o Bons, a maior ameaça ao Ethereum vem de dentro na forma de ataques sociais e governança pouco clara. Ele acredita que o Ethereum poderia estar se dirigindo para diversos forks e um desastre.

 

Bons Fala do Perigo

 

De acordo com Justin Bons, o Ethereum pode cair na armadilha dos ataques sociais. Ele acredita que os ataques sociais podem criar uma censura semelhante que pretende combater. O merge muda o mecanismo de consenso do Ethereum de prova de trabalho para prova de participação.

 

A prova de participação depende dos validadores verificarem transações para a blockchain. Os validadores fazem stake de uma quantia específica de token nativo, que é destruída em caso de comportamento desonesto. Para o Ethereum, a quantia em participação é de 32 ETH.

 

Justin acredita que a cadeia PoS do Ethereum é resistente à censura. No entanto, a comunidade decidindo destruir o Ethereum em participação pode ser um grande problema. Ele acredita que a destruição poderia ser a opção nuclear, apenas uma medida de último recurso. De outro modo, os direitos de propriedade de muitos inocentes poderiam ser diminuídos.

 

Progresso no Merge do Ethereum

 

O cliente do Ethereum 2.0 Teku lançou uma importante atualização que permite que todos os usuários da mainnet se preparem para o merge. Um relatório recente também revelou que o Ethereum merge está 96% completo.

 

Os desenvolvedores do Ethereum também confirmou que a data final para o merge é 15 de setembro. No entanto, a data exata para a taxa do merge dependerá da hashrate. O Ethereum precisa manter a hashrate de pelo menos 872,2 TH/s.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
2606 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story