PUC-Rio Promove Evento Sobre a Tecnologia Blockchain, Bitcoin e DApps


crypto market

PUC-Rio Promove Evento Sobre a Tecnologia Blockchain, Bitcoin e DApps

  • Instituição universitária oferece palestra sobre tecnologia que deu vida ao Bitcoin
  • Além de blockchain, curso aborda temas comoP2P, BNDES token e transações anônimas
  • Com inscrição de R$ 50, alguns alunos da PUC-RIO podem se inscrever de graça

A tecnologia blockchain e o mercado de criptomoedas serão abordados em um evento criado pela PUC-Rio. Do Bitcoin aos aplicativos descentralizados (DApps), a palestra da universidade acontecerá no dia 10 de setembro de 2021.

  • Bradesco se Aproxima da Tecnologia Blockchain e Lança Estudo Sobre NFTs, DeFi e Criptoeconomia

Até lá, os interessados podem se inscrever através do site da PUC-Rio. Organizado pelo Coordenação Central de Extensão (CCE), o evento da universidade carioca custará apenas R$ 50.

Com duração de apenas uma hora, a palestra “Blockchain: fundamentos e aplicações” será ministrada pelo professor e doutor Marco Antônio G. Dias e acontecerá entre às 18h e 19h.

Universidade oferece palestra sobre tecnologia blockchain

Em breve acontecerá a palestra “Blockchain: fundamentos e aplicações”, coordenada pelo professor Marco Aurélio Cavalcanti Pacheco, que atua na PUC-Rio.

De acordo com a descrição do evento sobre a tecnologia que dá vida ao Bitcoin, a blockchain é apresentada como “a nova revolução digital em marcha”. Além disso, a página do curso apresenta informações sobre transações P2P, mecanismos de consenso e casos de criptomoedas com redes privadas.

“Serão vistas as tecnologias baseadas em criptografia hash de chave pública e mecanismos de consenso. Assim como, os seus fundamentos, baseados em bancos de dados distribuídos, transmissão P2P, transparência com privacidade (mas sem anonimato), irreversibilidade dos registros e alta confiabilidade e segurança.”

Além de abordar informações sobre transações com criptomoedas, a palestra com o professor Marco Antônio Dias pretende apresentar informações sobre outros tipos de ativos digitais, como o projeto BNDES-token.

“Será vista a primeira aplicação, a criptomoeda bitcoin, as criptomoedas estáveis (inclui o exemplo do BNDES-token) e aplicações para inclusão financeira da população de baixa renda excluída do sistema financeiro tradicional.”

Curso sobre Bitcoin pode sair de graça

Embora a PUC-Rio esteja cobrando R$ 50 como inscrição para o evento “Blockchain: fundamentos e aplicações”, existe uma forma de assistir a palestra gratuitamente.

Segundo a universidade, alunos do curso de especialização BI Master não precisam pagar a taxa de R$ 50, já que a palestra está sendo desenvolvida pela coordenação do curso.

Por outro lado, a PUC-Rio lembra que o valor da inscrição é simbólico, e deverá ser revertido em doações de cestas básicas através de uma campanha social promovida pela universidade.

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Paulo José
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Publique seu comentário...
Paulo José 217 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Follow Paulo @