Sogro de Empresário de Criptomoedas Morre Após ser Baleado na Boca

By Paulo José
Published Setembro 4, 2021 Updated Setembro 4, 2021

Sogro de Empresário de Criptomoedas Morre Após ser Baleado na Boca

By Paulo José
Published Setembro 4, 2021 Updated Setembro 4, 2021
  • Sogro de empresário de Nova Friburgo – RJ ficou 19 dias internado
  • Homem foi atacado por genro com dois tiros na boca
  • Além de sogro e sogra, esposa do acusado foi morta

Depois de ficar 19 dias internado em estado grave em um hospital fluminense, Wellington Braga de Mello morreu nesta última quinta-feira (2). Também conhecido como Tom, a vítima foi atacada pelo próprio genro, Ricardo Pinheiro Jucá de Vasconcelos, que é tabelião e empresário de criptomoedas.

O crime aconteceu no dia 13 de agosto de 2021 em Nova Friburgo – RJ, e além de Tom, Ricardo assassinou a própria esposa, que estava grávida, e a sogra, durante uma suposta crise.

De acordo com a investigação sobre o caso, Ricardo Pinheiro atuava como tabelião na região, além de manter um negócio com criptomoedas. Com a morte do sogro, o acusado pode responder por triplo homicídio.

Empresário de criptomoeda mata família

No dia 13 de agosto de 2021, o empresário Ricardo Pinheiro atacou três pessoas com uma arma de fogo. O ataque aconteceu no bairro Cônego, em Nova Friburgo – RJ.

Se responder pelos crimes, Ricardo Pinheiro pode ser acusado de ter matado Rosemary Gomes de Mello, de 67 anos. A sogra do empresário de criptomoedas foi encontrada sem vida pelos policiais no primeiro andar da residência da família.

Além dela, a juíza de paz Nahaty Gomes de Mello também foi morta a tiros pelo acusado. O único sobrevivente do crime, até então, era Wellington Braga, que morreu recentemente.

Sogro atingido por disparos na boca

Segundo a investigação sobre o caso, foi Wellington Braga quem acionou a polícia. Mesmo atingido por dois disparos na boca, o sogro do acusado explicou às autoridades como o ataque aconteceu.

Wellington disse que Ricardo estava em surto no momento que atacou toda a família. Depois de ficar 19 dias internado, Wellington Braga não resistiu aos ferimentos.

Enquanto isso, o empresário de criptomoedas Ricardo Pinheiro continua detido no Hospital Penal Psiquiátrico Roberto Medeiros. A Justiça determinou que ele seja transferido para o presídio de Bangu, logo após julgar que não existem elementos que comprovem a condição de perturbação mental do acusado.

Em defesa, o advogado de Roberto Medeiros alega que o atestado da Justiça foi baseado no registro de porte de arma obtido pelo empresário de criptomoedas meses antes do ataque.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Paulo José
426 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.

Loading Next Story