Depois de Criar a Criptomoeda do Cruzeiro, Liqi vai Desenvolver Token para o Coritiba


Token do Coritiba (Reprodução)

Depois de Criar a Criptomoeda do Cruzeiro, Liqi vai Desenvolver Token para o Coritiba

  • Liqi Digital Assets lança tokens do Coritiba e do Cruzeiro
  • Ativo digital será liberado ainda em setembro de 2021
  • Plataforma trabalha em mais três tokens de times de futebol

Em breve o time de futebol do Coritiba Foot Ball Club terá um ativo digital desenvolvido através da tecnologia blockchain. Em busca de ‘tokenizar’ o mecanismo de solidariedade de alguns craques revelados pelo clube paranaense, o token do Coritiba deve ser lançado ainda em setembro de 2021.

Assim como o Cruzeiro, o Coritiba escolheu a plataforma Liqi Digital Assets para desenvolver o token que estreia no mercado de criptomoedas nas próximas semanas. Criada por Daniel Coquieri, a Liqi deve lançar outros três tokens de times de futebol ainda neste ano.

Com o token do Coritiba, o torcedor investe no time através do mecanismo de solidariedade criado pela FIFA, onde transferências e negociações de jogadores rendem uma porcentagem de lucro para o time que revelou o craque.

Token do Coritiba será lançado em setembro

Depois de lançar o token do Cruzeiro – que arrecadou mais de R$1,5 milhão – a Liqi se prepara para a estreia do token do Coritiba no mercado. Com a tokenização do mecanismo de solidariedade, a criptomoeda do time pode ser rentável em longo prazo.

Segundo o presidente do Coritiba, Juarez Moraes e Silva, o lançamento do token é resultado de uma modernização proposta pela nova diretoria, que busca através da tecnologia blockchain obter uma receita para o time.

Em entrevista ao Coingape, Daniel Coquieri comenta que nas próximas semanas o token do Coritiba estará disponível no mercado. Sem mencionar uma data, o CEO da Liqi Digital Assets comentou que o projeto está sendo desenvolvido de forma acelerada para garantir esse lançamento.

“É uma vertical que a Liqui tá olhando e acelerando. E acho que a nossa ideia é lançar o token do Coritiba agora no mês de setembro, estamos trabalhando com o time e está bem avançado.”

Token domina mercado de criptomoedas

A indústria por trás de tokens de times de futebol, movimenta bilhões de dólares anualmente e aproxima o torcedor do time do coração com campanhas exclusivas e interação online.

Com o token do Coritiba não será diferente. Os torcedores investem no time através de um processo de antecipação do valor que o clube tende a receber pelo mecanismo de solidariedade da Fifa.

Segundo Daniel Coquieri, o token do Coritiba deve ser lançado ainda em setembro de 2021 no mercado. Além disso, uma lista com os jogadores do Coritiba que foram ‘tokenizados’ pela Liqi deve ser divulgada, para os torcedores acompanharem a evolução do ativo digital.

Além do Cruzeiro e do Coritiba, a Liqi se prepara para lançar mais três tokens no mercado, depois de fechar parceria com mais times de futebol no Brasil.

“A gente tá assinado com mais três clubes de futebol, fora o Coritiba e o lançamento do Cruzeiro. Então, a gente tá com uma vertical de ajudar os clubes, de fomentar esse mercado dos clubes via tokenização.”

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Paulo José
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Publique seu comentário...
Paulo José 181 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Follow Paulo @