Deputado quer ‘o Fim do Dinheiro’ e Aposta em Moeda Digital para Fortalecer Comércio com a China

By Paulo José
Published Julho 29, 2021 Updated Julho 29, 2021

Deputado quer ‘o Fim do Dinheiro’ e Aposta em Moeda Digital para Fortalecer Comércio com a China

By Paulo José
Published Julho 29, 2021 Updated Julho 29, 2021
  • Reginaldo Lopes defende moeda digital e o fim do dinheiro em espécie
  • Deputado Federal propôs lei para acabar com cédulas
  • Combate à corrupção e sonegação fiscal podem ser beneficiados com uma CBDC

Logo após o Banco Central (BC) do Brasil anunciar um plano de estruturação de uma moeda digital, o deputado federal de Minas Gerais, Reginaldo Lopes, comemora a transformação que a economia brasileira vivenciará.

Assim, em um artigo publicado no site PT na Câmara, o parlamentar diz que o dinheiro de papel deveria chegar ao fim com a implantação do real digital pelo Banco Central.

Além disso, Reginaldo Lopes destaca que a moeda digital do BC poderá fortalecer os laços comerciais entre Brasil e a China, maior parceiro econômico do país, e que está desenvolvendo também o yuan digital.

Reginaldo Lopes defende o fim do uso do dinheiro em espécie (Reprodução/Facebook)

Real digital e a China

De acordo com Reginaldo Lopes, uma moeda digital no Brasil representa “a digitalização do sistema financeiro brasileiro”, que pretende adotar em breve o “Real Digital”.

Para Lopes, o Brasil precisa estar preparado para as mudanças no cenário econômico mundial, com a China apostando em uma moeda digital que poderá ser usada no mercado de câmbio e de exportações.

“A ascensão de moedas digitais pode dar à China o poder de liderança que já exerce nas exportações. O sistema e-yuan quer evitar que uma siderúrgica chinesa tenha que comprar dólares para adquirir minério de ferro do Brasil.”

Fim do dinheiro e corrupção

Em busca de combater a corrupção, Reginaldo Lopes propôs um projeto de lei que prevê o fim do dinheiro em espécie no Brasil nos próximos anos, com a implantação de uma moeda digital do Banco Central.

“ Inaugurei esse debate em 2015 no Congresso Nacional, quando apresentei o Projeto de Lei 48/2015, propondo o fim do dinheiro em espécie com um prazo de transição de dez anos.”

Além disso, uma moeda digital representa um controle maior sobre a sonegação de impostos. Com transações digitais, o parlamentar sugere que o Brasil deixaria de perder R$ 500 bilhões em arrecadação anual.

“A digitalização do sistema financeiro brasileiro tem muitas outras vantagens. Seria uma forma de enfrentar a sonegação, que representa um prejuízo de R$ 500 bilhões para o Estado brasileiro.”

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Paulo José
292 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.

Loading Next Story