Analista Revela que Chia pode Subir 2.174% no Mercado se Repetir Caminho de ‘Irmã Cripto’


altcoins

Analista Revela que Chia pode Subir 2.174% no Mercado se Repetir Caminho de ‘Irmã Cripto’

  • Cotação da Chia pode explodir no mercado nos próximos três anos
  • Analista aponta data para preço da XCH subir mais de 2.174%
  • Altcoin pode seguir o mesmo caminho de ‘irmã’ no mercado de criptomoedas

Embora a criptomoeda Chia (XCH) tenha despencado no mercado nos últimos três meses, uma previsão otimista sobre a altcoin revela que ainda há caminho para uma valorização de 2.174%.

Assim, de acordo com a previsão do analista Uhura publicada recentemente no TradingView, o preço da Chia pode enfrentar uma grande onda de valorização no mercado, se repetir o mesmo desempenho da criptomoeda Burst.

Considerada irmã da Chia, o analista sugere que a XCH deve vivenciar o mesmo caminho de valorização que a Burst, e por isso ele acredita em um impressionante aumento de 2.174%, o que elevaria a cotação da Chia para algo próximo de US$ 49 mil, no par XCH/USD.

Previsão sobre a Chia

De acordo com o analista do TradingView, a Chia pode enfrentar uma grande valorização no mercado em longo prazo. No total, ele espera que a criptomoeda suba 2.174%.

Ou seja, com esse aumento o preço da XCH seria de US$ 48.878 no mercado, ou ainda, mais de R$ 255 mil, considerando a cotação atual para o dólar, e o par de negociação XCH/BRL.

Na análise, o investidor diz que o aumento deve ser considerado a partir do recorde de preço da Chia, que até então é de US$ 2.149. Sendo assim, em alguns anos a XCH pode valer quase US$ 49 mil.

Analista compara Chia com outra criptomoeda (Reprodução/TradingView)

Altcoin já tem data para subir

Conforme aponta a previsão que compara a Chia com outra criptomoeda, a XCH precisa de aproximadamente três anos para seguir o mesmo caminho apontado na previsão do analista no TradinView.

Portanto, em setembro de 2024 a previsão sobre a altcoin pode se concretizar, segundo sugere o investidor que analisou o desempenho da criptomoeda no mercado para apontar a previsão.

Atualmente, o preço da Chia está sendo cotado em US$ 176,01, segundo dados do CoinGecko. Com essa cotação, a XCH enfrenta uma desvalorização hoje, de aproximadamente 3,1%.

Cotação XCH em 2021 (Reprodução/Coingecko)

Cripto Irmã

Além de analisar o desempenho da Chia em 2021 no mercado, o analista Uhura diz que a altcoin está seguindo o caminho de outra criptomoeda no mercado. Ao citar a Burst, o investidor revela que a Chia pode subir igualmente.

Entre o primeiro recorde de preço de US$ 0,00572756 e sua máxima de US$ 0,1301, a Burst enfrentou uma valorização de quase 2.174%, entre os anos de 2015 e 2018.

Dessa forma, ao considerar a Chia uma ‘irmã cripto’ da Burst, o analista compara as altcoins e aponta que a XCH pode repetir o mesmo desempenho da Burst no passado.

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Paulo José
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Publique seu comentário...
Paulo José 73 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Follow Paulo @