Passagem grátis: Atlético Mineiro lança coleção de NFTs que dá direito a viagem para BH

By Paulo José
Published Dezembro 21, 2021 Updated Dezembro 21, 2021

Passagem grátis: Atlético Mineiro lança coleção de NFTs que dá direito a viagem para BH

By Paulo José
Published Dezembro 21, 2021 Updated Dezembro 21, 2021

Os tokens não fungíveis (NFTs) invadiram os gramados e mais uma coleção de tokens não fungíveis (NFTs) está sendo lançada pelo time do Atlético Mineiro no mercado crypto nesta segunda-feira (20).

Através de uma parceria com a exchange Crypto.com e a empresa Betano, o clube de futebol busca comemorar o recente bicampeonato da Copa do Brasil com uma tokens raros.

No total, 50 NFTs fazem parte da nova coleção do Atlético Mineiro, que foi dividida em três categorias. Além de tokens exclusivos, o time de futebol oferecerá prêmios “que desbloqueiam experiências no mundo mundo físico”, como visitas ao centro de treinamento do clube e passagens de graça para Belo Horizonte – MG.

De acordo com Felipe Ribbe de Vasconcellos, head de inovação do Atlético Mineiro, a coleção foi lançada para criar uma nova relação com os torcedores do time, que poderão conhecer de perto os jogadores do vencedor da última edição da Copa do Brasil.

“Hoje o Clube Atlético Mineiro deu mais um passo na exploração do universo cripto. Em parceria com a Betano, o Galo lançou uma coleção de NFTs para celebrar o título brasileiro na Crypto.com. São 50 NFTs e todos desbloqueiam experiências no mundo físico e/ou produtos oficiais. Nós acreditamos que os NFTs vão evoluir para serem muito mais do que colecionáveis digitais e sim passes que desbloqueiam benefícios reais. E é exatamente o que lançamos.”

Atlético Mineiro lança nova coleção

Existem três categorias de NFTs que foram lançadas pelo Atlético Mineiro. A primeira categoria é chamada de “The Betano Effect” e corresponde a um token raro, com apenas uma unidade emitida.

Leia Mais: Token do Atlético – MG despenca no mercado após time vencer Copa do Brasil

Embora não esteja à venda, o token “The Betano Effect” será sorteado entre os usuários que participarem de um desafio no site da empresa. Quem ganhar este NFT, poderá ganhar passagem de graça para almoçar com os jogadores do time, segundo Felipe Ribbe de Vasconcellos.

“Quem ganhar esse NFT tem passagem aérea para o Brasil e hospedagem de 3 dias em BH; motorista particular; visita ao CT para bater bola com os jogadores e almoçar com eles no refeitório; assistir a uma partida do Galo no gramado; camisa usada pelo jogador em campo; camisa autografada; e outros produtos oficiais.”

Token “The Golden Edition”

A segunda categoria dos tokens NFTs da nova coleção do Galo terá apenas 4 unidades que serão colocadas em leilão. Com duração de sete dias, o lance mínimo para comprar uma unidade do token “The Golden Edition” é de US$ 5 mil.

Assim como “The Betano Effect”, o NFT “The Golden Edition” dá direito a passagens aéreas para encontrar os jogadores do Atlético Mineiro no centro de treinamento. Além disso, quem comprar o token terá direito a um par de ingressos VIP, além de outros benefícios.

NFT que vira camisa autografada

A terceira e última categoria da nova coleção do Atlético – MG possui NFTs por apenas US$ 200 cada. Com 45 unidades no total, esses tokens não oferecem passagem aérea gratuita. No entanto, quem comprar algum token da categoria “The Silver Edition” terá direito a uma camisa oficial do time de futebol. No Linkedin, o head de inovação do Atlético Mineiro comemora a integração do mercado crypto com o mercado de futebol.

“Estamos muito animados com todas as possibilidades que o universo cripto traz para organizações esportivas e muito felizes com este lançamento global.”

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Paulo José
456 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.

Loading Next Story