Queda da LUNA: A empresa de blockchain perde US$3,5 bilhões enquanto a Terra (LUNA) desmorona

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Maio 20, 2022 Updated Maio 20, 2022

Queda da LUNA: A empresa de blockchain perde US$3,5 bilhões enquanto a Terra (LUNA) desmorona

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Maio 20, 2022 Updated Maio 20, 2022

Hashed, um fundo de ativos cripto baseado em Seul e no Vale do Silício, e um construtor de comunidades, perdeu mais de US$3 bilhões na sequência do colapso da Terra (LUNA).O capital de risco é um financiador bem conhecido da Terra e seu relacionamento remonta à 2019. O recente declínio da Terra custou ao VC enormes porções de dinheiro.

 

Mais de 49,9 milhões acumulados em perdas diretamente ligadas à Terra

 

Como no momento da publicação, não há nenhuma palavra direta da Hashes sobre o qual é este número exatamente, ou o que o colapso da Terra significa para eles.

 

No entanto, em dados on-chain, mostra que a Hashed tinha apostado milhões de dólares em três mainnets na LUNA. 27 milhões sobre a mainnet Columbus 3, 9,7 milhões para a mainnet Columbus 4, e 13,2 milhões sobre a atual mainnet Columbus 5, elevando o valor para 50 milhões de dólares.

Leia mais: Queda da Terra se espalhou sobre outras blockchains L-1, dessa forma

Hashed falou sobre trabalhar com a Terra em 2019

 

Em um post de blog publicado pela empresa na popular plataforma de blogs, Medium, a Hashed expressou entusiasmo sobre trabalhar com a Terra e explicou porque eles optaram pela blockchain. O post do blog diz “Enquanto o Bitcoin e outras criptomoedas forneceram recursos atraentes, como nenhum controle governamental, transferência internacional sem interferência, e armazenamento mais fácil de ativos do que o dinheiro físico, a falta de estabilidade de preços os impediu de superarem a maioria das formas de dinheiro fiat.”

 

Pode-se notar, a partir do post do blog, que a Hashed acredita que a Terra poderia oferecer os melhores serviços de blockchain na Coreia do Sul, como mostrado por isso,

 

“A Terra criou uma stablecoin descentralizada que reflete as caraterísticas universais dos atuais sistemas monetários de fiat. A Terra reinveste o crescimento econômico para proporcionar descontos contínuos aos consumidores, incentivando os consumidores inteligentes a escolherem seu sistema de pagamentos e a manterem-se.”

 

No geral, os dados mostraram que a Hashed perdeu mais de US$3 bilhões desde o colapso da Terra-Luna.

Leia mais: A WOO Network interrompe a negociação da LUNA da Terra poucas horas depois de a ter refeito

Do Kwon propõe Terra 2.0 

 

O fundador da Terra, Do Kwon propôs novas medidas para combater o colapso inesperado da antiga blockchain líder.

 

Num tweet feito em 18 de maio, Do kwon explicou que a proposta de governança da Terra é mudar o nome da rede existente para Terra classic, Luna classic (LUNC) e renascer uma nova blockchain Terra. 

 

Ele ainda passou a notar que, se a proposta for bem sucedida, um instantâneo final será tirado da rede Terra classic no bloco 77900000 e uma nova rede nascerá. Em uma nota final, ele acrescentou que ele está animado para este futuro e ansioso para reconstruir com a comunidade.

Leia mais: A Stablecoin Terra (UST) faz pico de 160% para US$0,3, esse é o motivo

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
2353 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story