Sócio da Guggenheim Scott Minerd Prevê Preço do Bitcoin Retraindo Para US$20.000

Por Guilherme de Faria Martins da Silva
Publicados Abril 21, 2021 Atualizado Abril 21, 2021
By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Abril 21, 2021 Updated Abril 21, 2021

Scott Minerd, o executivo chefe de investimentos na Guggenheim Partners veio com outra previsão apocalíptica para o Bitcoin sugerindo que a principal criptomoeda poderia registrar uma desvalorização de 50% e assentar por volta do preço de US$20.000. Minerd acredita que a principal criptomoeda se moveu rápido demais no último trimestre e como resultado, o mercado parece muito “nebuloso”. Ele explicou,

“Dado o grande movimento que tivemos no Bitcoin no curto prazo, as coisas estão muito nebulosas e acho que teremos uma grande correção no Bitcoin,”

Ele acrescentou,

“Acho que poderíamos voltar para US$20.000 a US$30.000 no Bitcoin, o que seria uma queda de 50 porcento, mas o que é interessante sobre o Bitcoin é que vimos esse tipo de quedas antes.”

Minerd é bem popular ou infame por essas previsões de preço porque muitas vezes estiveram erradas, quando o Bitcoin entrou em uma fase de consolidação em fevereiro, Minerd foi rápido em desmerecer o Bitcoin de novo e disse que a demanda institucional não era forte o suficiente para impulsionar mais o preço. No entanto, o BTC desde então dobrou de preço para registrar uma alta histórica de US$64.689 não somente com instituições correndo para ganhar exposição ao Bitcoin , mas alguns dos maiores críticos como Goldman Sachs e JP Morgan deram seu suporte ao Bitcoin.

Preço do Bitcoin Corrige 20%, Previsão de Longo Prazo Ainda é Altista

A correção de preço do fim de semana fez com que a principal criptomoeda caísse da quase alta histórica para níveis de US$54.000 causando mais especulações sobre chegar em seu topo de curto prazo, no entanto, a maioria dos analistas e até Minerd ainda estão bastante altistas no longo prazo, sugerindo que o preço do BTC ainda pode chegar de US$400.000 a US$600.000 com os fatores de escassez apertando conforme mais instituições correm para acrescentar a principal criptomoeda aos seus portfólios.

Apenas ontem a WeWork controlada pelo SoftBank anunciou que começariam a aceitar Bitcoin e selecionaram outras criptomoedas como pagamento e manterão o Bitcoin em seu balanço. A Venmo, gigante de transações de pagamentos controlada pela PayPal também anunciou que permitiriam a negociação de criptos e a opção de mantê-las para seus 70 milhões de clientes.

Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
Guilherme de Faria Martins da Silva
3337 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story