Twitter libera uso de NFT como foto de perfil

By Paulo José
Published Janeiro 22, 2022 Updated Janeiro 22, 2022

Twitter libera uso de NFT como foto de perfil

By Paulo José
Published Janeiro 22, 2022 Updated Janeiro 22, 2022

O uso de tokens não fungíveis (NFTs) alcançará um novo patamar com uma novidade que está sendo testada pelo Twitter. De acordo com a rede social, a versão paga da plataforma liberou o uso de NFTs como foto de perfil.

Com a novidade, o Twitter pode aumentar o uso e adoção de NFTs no mercado cripto. Embora esteja disponível apenas para a versão Twitter Blue, a novidade já está atraindo a atenção de grandes personalidades como o craque Neymar Jr.

Com uma mensalidade de R$ 15,90 por mês, o Twitter Blue permite o uso de NFTs no lugar da foto do perfil. A diferença entre o NFT e a foto de perfil normal será apresentada na caixa dedicada a imagem.

Enquanto no ‘Twitter normal’ a foto fica exposta dentro de uma moldura circular, as NFTs do Twitter Blue apresentarão uma moldura hexagonal, para diferenciar o uso de tokens não fungíveis e outras imagens.

A transformação acontece através de uma conexão entre a rede social e as carteiras que suportam NFTs. E a novidade já está sendo usada pelo craque brasileiro, Neymar Jr, que recentemente comprou duas NFTs raras no mercado cripto.

No total, Neymar gastou quase R$ 6 milhões para ter a posse de dois tokens não fungíveis que fazem parte da coleção Bored Ape Yacht Club (BAYC). Além dos NFTs, o jogador brasileiro comprou ethereum, e agora Neymar Jr. possui 125 unidades de ETH na carteira.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Paulo José
456 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.

Loading Next Story