Baby DogeCoin dispara 33% após listagem em grande exchange

By Paulo José
Published Fevereiro 19, 2022 Updated Fevereiro 19, 2022

Baby DogeCoin dispara 33% após listagem em grande exchange

By Paulo José
Published Fevereiro 19, 2022 Updated Fevereiro 19, 2022

Enquanto o preço do bitcoin luta para manter o suporte de US$ 40 mil no mercado cripto, outra criptomoeda disparou nas últimas 24 horas. Com uma valorização superior a 33% no dia, a cotação da Baby DogeCoin (BabyDoge) acumula um importante aumento nesta sexta-feira (18).

Embora o mercado cripto esteja em ligeira desvalorização, o preço da Baby DogeCoin seguiu um caminho contrário. A cotação da criptomoeda foi impulsionada logo após uma grande exchange anunciar a listagem da BabyDoge.

Baby Dogecoin sobe 33% na semana (Reprodução/CoinMarketCap)

A partir de hoje (18), os usuários da Huobi poderão negociar a Baby DogeCoin através da plataforma. A listagem da nova criptomoeda impulsionou o preço no mercado cripto, com uma valorização que fez a BabyDoge atingir US$ 0,000000004059 recentemente.

Antes de registrar essa máxima diária, o preço da Baby DogeCoin era cotado em cerca de US$ 0,0000003049, através do par BabyDoge/USD. Mas, com a valorização da altcoin, este valor subiu mais de 33% em algumas horas.

Criptomoeda subiu após listagem na Huobi (Reprodução/CoinMarketCap)

Embora a efusão diante da listagem da Baby DogeCoin parece ter passado, a criptomoeda continua em valorização no mercado. Depois de valer US$ 0,000000004059 no mercado, atualmente o preço da BabyDoge é de US$ 0,000000003797, o que representa uma valorização de 22,20% no dia.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Paulo José
456 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.

Loading Next Story