BIS Diz QUE CBDCs Aumentarão o Nível da Competição na Indústria de Pagamentos

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Abril 1, 2021 Updated Abril 1, 2021

BIS Diz QUE CBDCs Aumentarão o Nível da Competição na Indústria de Pagamentos

By Guilherme de Faria Martins da Silva
Published Abril 1, 2021 Updated Abril 1, 2021

O Banco de Liquidações Internacionais (BIS), a principal instituição de controle dos bancos centrais, compartilha suas visões sobre as moedas digitais dos bancos centrais (CBDCs) e como elas podem aumentar o nível da competição no mercado de pagamentos digitais.

Em um relatório acessado pelo The Globe and Mail na quarta-feira, 31 de março, o BIS disse que a inclusão das CBDCs no sistema financeiro internacional pode “criar uma nova onda” com players de varejo não bancários criando uma nova tempestade no setor de pagamentos.

A afirmação do BIS vem com os principais bancos centrais mundo afora tendo acelerado seus desenvolvimento de CBDCs incitando uma grande competição com criptomoedas públicas como Bitcoin e outros ativos digitais.

Durante seu últimos discurso em Basel, o Diretor Geral do BIS Augstin Carstens disse:

“Um objetivo é o de construir uma infraestrutura que permita mais competição, que pode significar mais provedores de pagamento. Um resultado é que a enxurrada de novos players pode alterar os mercados”, disse ele.

A Dominância de Players Privados

Uma das principais preocupações dos órgãos regulatórios é a dominância de players privados. Em 2019, o Facebook anunciou o lançamento da sua stablecoin Libra, um tipo de ativo digital visando evitar a volatilidade de criptomoedas públicas como o Bitcoin.

No entanto, a Libra do Facebook – agora renomeada de Diem – enfrentou muita reação negativa dos reguladores mundo afora. Carstens disse que as perspectivas de bilhões de usuários do Facebook usando a Diem não pegou bem com bancos centrais citando riscos potenciais para a estabilidade financeira global e seus controles sobre as políticas monetárias.

Ele ainda acrescentou que os serviços das big techs podem dominar um setor imenso sufocando a competição enquanto diminui a proteção dos dados dos usuários. As questões recentes do Facebook com o manuseio dos dados de privacidade assustaram os governos ao redor do mundo e colocaram a empresa em maus lençóis.

O último relatório do BIS vem após o banco central chinês ter pedido por regras globais sobre o funcionamento das CBDCs assegurando um jogo limpo nas principais economias.

CoinGape Twitter

Isenção de responsabilidade
O conteúdo apresentado pode incluir a opinião pessoal do autor e está sujeito às condições de mercado. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou a publicação não tem qualquer responsabilidade por sua perda financeira pessoal.
sobre o autor
Guilherme de Faria Martins da Silva
2611 artigos
Escritor de conteúdo experiente em investimento e domínio de blockchain. Recentemente, obteve a certificação de Agente Autônomo de Investimento. Prospecto e planilhas de fundos de investimento, informações técnicas e comerciais relacionadas a produtos de investimento, white papers, white papers técnicos, sites e postagens em mídias sociais.

Loading Next Story