Hering usa Criptomoeda Brasileira para Compensar Emissão de Carbono em Camiseta Ícone


Hering usa Criptomoeda Brasileira para Compensar Emissão de Carbono em Camiseta Ícone

  • Hering compensará em dobro a emissão de carbono utilizando criptomoeda brasileira
  • Assim como iFood, empresa quer transformar produção com pegada sustentável
  • Token MCO2 da Moss.Earth será responsável pela emissão de títulos de emissão de carbono

Em busca de compensar a emissão de carbono gerado na produção de peças de roupa, a Hering firmou recentemente uma parceria com a Moss.Earth, e usará uma criptomoeda para retirar toneladas de CO² da atmosfera.

Assim como o iFood, a empresa Hering usará o token MCO2 em negociações de créditos de carbono que utilizam a tecnologia blockchain para emitir certificados digitais.

Inicialmente, a proposta da Hering é se tornar uma empresa zero de carbono, compensando toda a emissão na confecção de roupas através da criptomoeda da Moss.Earth.

Criptomoeda de crédito de carbono

Antes de anunciar a neutralização da emissão de carbono em camisetas básicas da linha ícone, a empresa Hering usou a criptomoeda MCO2 para compensar a emissão na linha de camisetas do modelo world.

No entanto, a proposta da empresa é de zerar a emissão de carbono na produção de roupas até o final de 2021, o que inclui toda a produção. Enquanto isso, de acordo com O Globo, a Hering anunciou que compensará em dobro a emissão de carbono nos modelos de camisa world, em busca de aumentar sua responsabilidade ambiental.

Camiseta com pegada dupla de carbono é vendida por R$ 49,90 *Reprodução/Hering)

Camiseta world Hering

Logo após completar 30 anos, o modelo de camiseta Hering world poderá ser considerado uma peça com produção sustentável. Na verdade, a empresa planeja compensar o dobro da emissão de carbono que é produzida neste modelo de camisa.

Assim, de acordo com entrevista ao O Globo de Fabiola Guimarães, diretora de marcas da Hering, em cada peça da camiseta world é emitido aproximadamente 2,3 quilos de carbono.

Portanto, para cada peça produzida pela Hering, a compensação em carbono através da criptomoeda MCO2 corresponderá a R$ 4,6 quilos. Essa emissão incluirá todo o processo de fabricação das camisetas, desde a colheita do algodão até a finalização das peças.

“Cada camiseta World emite 2,3 quilos de carbono, então decidimos duplicar esse valor e garantir que 4,6 quilos de carbono sejam retirados da atmosfera.”

CoinGape Twitter

Assine nossa newsletter gratuitamente

Disclaimer A Coingape está comprometida em seguir os mais altos padrões de jornalismo e, portanto, segue uma política editorial rigorosa. Dessa forma, a CoinGape toma todas as medidas para garantir que os fatos apresentados em seus artigos sejam precisos.
Isenção de responsabilidade: As opiniões, previsões, posições ou estratégias expressadas pelos autores e pelos que fornecem comentários são apenas suas e não refletem necessariamente as opiniões, previsões, posições ou estratégias da CoinGape. Faça sua pesquisa de mercado antes de investir em criptomoedas. O autor ou publicação não se responsabiliza por sua perda financeira pessoal.
Author: Paulo José
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Publique seu comentário...
Paulo José 213 artigos
Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Ele conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos depois. Ele trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas e atualmente é um dos contribuidores do CoinGape.
Follow Paulo @